O Circuito de Seminários promovido pela Memória do Judiciário Mineiro (Mejud) do Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais (TJMG) apresenta no dia 11 de novembro, sexta-feira, às 15h, a palestra “Incêndios em Bens Culturais Protegidos: Saberes Perdidos”. O palestrante é o engenheiro eletricista do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) Leonardo Barreto de Oliveira. Licenciado em História pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Oliveira é mestre em Conservação Preventiva e doutorando em Gestão e Organização do Conhecimento – Ciência da Informação (PPG-GOC/UFMG).

O expositor fará uma reflexão sobre a adequação dos critérios e procedimentos técnicos adotados na prevenção e combate a incêndio em edificações e acervos de valor cultural e as características físicas dos bens culturais a serem consideradas pelas medidas protetivas destinadas a evitar sinistros. Será abordada também a aplicabilidade das novas tecnologias dos equipamentos de extinção ao fogo, em particular com relação a acervos documentais e museológicos.

O evento será realizado no Salão Nobre do Palácio da Justiça Rodrigues Campos na avenida Afonso Pena, 1.420, Centro, Belo Horizonte.

O Circuito de Seminários é realizado em parceria com o grupo de pesquisas e estudos em Museologia – Arte – Estética na Tecnologia, Educação e Ciência (Musaetec-ECI/UFMG) e com apoio da Assessoria de Comunicação Institucional (Ascom) do TJMG. As inscrições são abertas ao público em geral e podem ser feitas pelo telefone (31) 3237-6224 ou pelo correio eletrônico mejud@tjmg.jus.br. Será fornecido certificado aos participantes.