02/09/2014

Foto: Arquivo Mejud

2014-Mejud-Itamar-Franco

O então presidente do TJMG, desembargador Lúcio Urbano Silva Martins,
entrega medalha ao governador Itamar Franco na solenidade no Palácio da Justiça
em 1999.

Os 125 Anos de Instalação do Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais (TJMG) em Ouro Preto (1874 – 1999) são o tema do Fato do Mês de agosto. A exposição, realizada pela Memória do Judiciário Mineiro (Mejud), apresenta peças e fotografias que marcaram as solenidades.

As comemorações da instalação do TJMG sempre foram acompanhadas de muita festividade de forma a exaltar a relevância social da instalação da Corte mineira. Até 1874, os recursos dos processos mineiros eram remetidos ao Rio de Janeiro para julgamento. Esta realidade foi modificada com a criação da Relação em Ouro Preto, através do Decreto Imperial 2.342, de agosto de 1873.

Em 1999, sob a presidência do desembargador Lúcio Urbano Silva Martins, atual superintendente da Mejud, o TJMG comemorou 125 anos de sua primeira instalação na histórica Ouro Preto, a 03 de fevereiro de 1874. As festividades tiveram início com missa na Catedral da Boa Viagem, celebrada pelo então arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, dom Serafim Fernandes de Araújo. No Palácio da Justiça Rodrigues Campos, foi realizada uma sessão solene, com a presença do governador Itamar Franco. Houve descerramento de placa e entrega de medalha comemorativa às personalidades presentes. No encerramento, foi oferecida uma recepção no salão do Minas Tênis Clube. Em homenagem à data, foi publicado o livro “125 anos TJMG – Edição Comemorativa 1874-1999”.

Após percorrer o Palácio da Justiça, Unidade Raja Gabaglia e Fórum Lafayette, a mostra pode ser visitada de 02/09 a 05/09 no hall do Anexo I, na rua Goiás, 229, Centro de Belo Horizonte. O Fato do Mês integra o Projeto Sempre Memória da Mejud. Outras informações pelo telefone (31) 3237 6224 ou pelo correio eletrônico mejud@tjmg.jus.br.

Para ver mais fotos desta exposição acesse o Banco de Imagens do TJMG.

Outras Notícias